Estando presentes na lista das melhores amostras para o mês de Fevereiro, os spinnerbaits são amostras que podem ser apresentadas de diferentes formas e em praticamente todo o tipo de coberturas e estruturas.

Neste artigo apresento-vos 3 dicas que podem ajudar a tornar a pesca com spinnerbaits mais versátil, através de pequenos ajustes fáceis de executar.

Aumentar as probabilidades

A não ser que estejam a pescar com com os spinnerbaits em coberturas ou vegetação muito densa, devem sempre adicionar um anzol atrelado ao anzol principal da amostra.

Os anzóis para atrelar possuem um olhal mais largo que o normal, de forma a possibilitar passá-los através da barbela do anzol principal da amostra.

Tenham apenas em atenção que o bico do anzol atrelado fica virado para cima, à semelhança do anzol principal.

Para evitar que o anzol salte, pode utilizar um pequeno pedaço de vinil.

Spinnerbait com anzol atrelado

Spinnerbait com anzol atrelado

A diferença do V

Se pretenderem alterar a velocidade de recuperação de um spinnerbait, continuando as lâminas a funcionar devidamente, basta dobrar o arame dos 2 braços para ficarem mais juntos ou mais afastados.

Se os afastarmos mais, conseguimos um abrandamento no seu funcionamento, conseguindo dessa forma manter a amostras a funcionar bem e a pouca profundidade, mesmo com uma recuperação mais lenta.

Se aproximarmos os dois braços de arame do spinnerbait, teremos que efectuar uma recuperação muito mais rápida para evitar que a amostra afunde mais do que pretendemos.

O ângulo dos braços do spinnerbait afecta a sua velocidade de recuperação

O ângulo dos braços do spinnerbait afecta a sua velocidade de recuperação

Spinnerbaits anti-ervas

Apesar destas amostras serem relativamente à prova de prisões, por vezes a vegetação que começa a morrer por esta altura acaba por se prender no anzol.

De forma a evitar este problema e tornar o seu spinnerbait ainda mais anti-ervas, ate um pequeno elástico de escritório na zona onde costuma atar o fio, prendendo a outra extremidade do elástico na barbela do anzol.

Isto fará com que o bico do anzol fique protegido, não alterando nem o funcionamento nem a eficácia da amostra.

Spinnerbait com elástico como anti-ervas

Spinnerbait com elástico como anti-ervas

Mais dicas

Estas 3 dicas fazem parte do ebook 25 dicas para a pesca ao achigã. Podem obter o ebook gratuitamente, bastando assinar a nossa newsletter.

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática viciado em pesca ao achigã. Criou o basspt.com para partilhar as suas ideias e experiências de pesca ao achigã, e para colmatar a falta de informação em Portugal sobre esta temática.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus