NOVAS USM da b8lab - disponíveis através da www.onefishplus.com

Estávamos no ano de 2012.

A selecção nacional de pesca ao achigã embarcada fica em 5º lugar do mundial entre selecções, com a dupla Joaquim Moio/João Grosso a sagrarem-se vice-campeões mundiais.

Entretanto, e após eleições na FPPD, a área de achigã foi extinta, após dois anos de existência.

Indignado com a situação, Hermínio Rodrigues, que havia sido seleccionador nacional na FPPD na vertente de achigã, relança o repto da criação em Portugal de uma BASS Nation, algo que havia tentado vários anos antes.

Os requisitos eram simples – ter 100 associados na BASS americana e 10 chapters registados também nos EUA. Por chapter entende-se um grupo com um mínimo de 6 pescadores, e que para a BASS e BASS Nation são reconhecidos como um clube de pesca.

Desta vez, Hermínio Rodrigues contava com uma ajuda preciosa que não havia tido anos antes – o Facebook! Foi através dele que passou a sua mensagem, e logo surgiram inúmeros interessados em ajudar no projecto, tanto a trabalhar directamente, como simplesmente a associarem-se na BASS americana e a angariarem outros amigos pescadores, para se atingirem os mínimos necessários para submeter a BASS Nation Portugal para reconhecimento junto da BASS americana.

bass_federation_portugal_a_caminho

Primeiro logo divulgado em 2012

Descontente com os regulamentos e a forma como eram organizadas as provas do nacional de achigã de margem, também eu me disponibilizei para ajudar na implementação do projecto, com vista a conseguir em Portugal uma instituição que oferecesse melhores organizações de provas e, acima de tudo, um regulamento de prova verdadeiramente pensado para a pesca ao achigã. Na altura, comecei por publicar aqui no blog as mensagens e informações que o Hermínio Rodrigues necessitava de passar a todos os pescadores.
A 2 de Fevereiro de 2013 teve lugar, em Pedrogão Grande, a primeira reunião com vista à formação da BASS Nation Portugal.

Daí resulta a formação da associação de nome Pró BASS Nation de Portugal, associação essa que teve como objectivo dar um suporte administrativo e legal ás acções que fossem necessárias realizar enquanto não se conseguia atingir os mínimos para submeter o pedido de adesão à BASS americana.

Infelizmente, a 27 de Março de 2013, por motivos profissionais, Hermínio Rodrigues, que até então liderou o processo, anuncia o seu afastamento. Três dias depois, José Moreira assume a liderança do projecto.

Ainda durante o ano de 2013, a associação Pro BASS Nation de Portugal realizou duas provas experimentais – uma de margem e outra embarcada, ambas marcadas pelo sucesso e contentamento de todos os que tiveram oportunidade de nelas participar.

Tive oportunidade de participar na prova de margem, tendo contado aqui a sua história. Por motivos pessoais, não me foi possível estar presenta na prova embarcada como fiscal, tal como fizeram grande parte dos pescadores de margem.

Finalmente, em 2014, com muito mais de 100 associados na BASS americana e com 21 chapters registados, realiza-se em Pedrogão Grande, a 23 de Março, a primeira Assembleia Geral, com vista à aprovação dos estatutos e regulamentos da BASS Nation Portual, bem como eleição dos seu corpos sociais.

Tanto os estatutos como o regulamento interno foram aprovados por unanimidade, tendo a única lista apresentada a votação sido eleita com 19 votos a favor e um voto em branco. Assim, e para os próximos 4 anos, os corpos sociais da BASS Nation Portugal são os seguintes:

Mesa da Assembleia Geral
Presidente: José Manuel David
Vice – Presidente: Jorge Humberto Almeida Lopes
Secretário: Pedro Miguel H. Pacheco Serra

Direcção
Presidente: José Carlos Fernandes Moreira
Vice – Presidente: Ramon Vaz de Menezes
Secretário: André Filipe Braz Fidalgo

Conselho Fiscal
Presidente: José Paulo Carvalho Costa Pinto
Vogal: David Pereira Pinto Ala

Logo oficial BASS Nation Portugal, licenciado pela BASS

Logo oficial BASS Nation Portugal, licenciado pela BASS

Para este ano, serão realizados dois circuitos, margem e embarcado, este último já a contar para apurar o melhor pescador a ser enviado aos EUA já este ano, para a prova da Bass Nation Championship que seleccionará alguns pescadores para a prova rainha, o BASSMASTER CLASSIC de 2015.

A primeira prova do circuito embarcado será a 12 e 13 de Julho.

As primeiras duas provas do circuito de margem terão lugar já nos próximos dias 17 e 18 de Maio, estando as inscrições a decorrer até ao próximo dia 4 de Maio. Podem consultar o calendário das restantes aqui.

Tal como consta do regulamento, o circuito de margem é composto de seis (6) provas, sendo uma no sábado e outra no domingo em cada uma das massas de água referidas.

premios_bass_portugal_margem

No tocante ao valor das inscrições este é de 60€ para o circuito completo e de 20€ por prova, o que significa que quem optar por estar nas duas provas de um determinado fim de semana pagará a importância de 40€. Esta explicação prende-se com o facto de que quem quiser realizar mais do que duas provas será sempre preferível a inscrição no respectivo circuito.

Os interessados podem obter mais informações através do grupo do Facebook da BASS Nation Portugal.

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática viciado em pesca ao achigã. Criou o basspt.com para partilhar as suas ideias e experiências de pesca ao achigã, e para colmatar a falta de informação em Portugal sobre esta temática.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus