Lagostins Vilecraw da Biospawn - disponíveis através da www.onefishplus.com

A maior parte dos indivíduos andam na pesca só para passar o tempo. Mas a certa altura alguns começam a ter sucesso entre os colegas e até gostariam de participar em algo, só que o medo de falhar e que os outros mais experientes os critiquem, impede-os. Eu não conheci esse medo, pois o meu pai levou-me ao primeiro concurso de pesca quando eu tinha apenas 8 anos e eu ganhei! Não sei se isso foi muito bom, ou muito mau. O que é facto é que desde aí, o espírito competitivo ficou-me profundamente entranhado e agora não me vejo sem a competição. Como tal, mesmo para aqueles que não vêm a competição como objetivo principal na pesca eu digo:

Para se evoluir, ou seja, para dar aquele pequeno/grande salto, de mero pescador de fim-de-semana que vai “pró saco”, para autêntico pescador desportivo, há que passar pela competição, pelo menos uma vez! Só assim se tem noção do verdadeiro valor do peixe, só assim se tem noção do que é um pouco de tensão e adrenalina, em vez de se encarar a pesca apenas como forma de relaxar, só assim se tem noção do que é ter um tempo e um espaço limitados para mostrar tudo o que sabemos. E como em qualquer desporto, é esta pressão, é esta necessidade de capturar mais que o outro, maior que o outro, mais rápido que o outro que nos faz evoluir naturalmente! Mas atenção, nunca devemos levar a competição demasiado a sério, ao ponto de a colocar à frente das amizades que se criam dentro da mesma, “porque na pesca, os nossos verdadeiros adversários não são os outros competidores, mas sim os peixes”.

Sabado

Aqui ficam algumas opções de torneios anuais para pescadores de Achigã de Margem:

  • Campeonato Nacional de Pesca ao Achigã de Margem (Federativo)
  • Taça de Portugal de Pesca ao Achigã de Margem (Federativo)
  • Campeonato Regional Baixo Alentejo de Pesca ao Achigã de Margem (Federativo)
  • Circuito de Margem da Bass Nation Portugal (Não federativo)
  • Torneio Ventura e Silva da Associação Portuguesa de Pesca ao Achigã (Não federativo)
  • Torneio Bass Évora de Pesca ao Achigã de Margem (Não federativo)

Para quem se está a estrear na modalidade e não queira participar logo nestes torneios a nível nacional, fique atento às provas locais e convívios que vão surgindo, pois estes padecem das burocracias de inscrição e normalmente têm bons prémios monetários ou materiais, como incentivo extra.

Luís Garrido

26 anos, Eng. Mecânico, natural de Moura, praticamente de pesca desportiva de competição em várias modalidades e entusiasta da natureza.

More Posts