NOVAS USM da b8lab - disponíveis através da www.onefishplus.com

Em mais este artigo dirigido para a secção guia de iniciados, venho enumerar o material que me parece essencial para a pesca ao achigã de margem.

Partindo do princípio que já efectuaram a vossa primeira pescaria ao achigã, e já compraram um dos modelos dos dois tipos de conjunto de canas/carrecto existentes para a pesca ao achigã, então já têm uma das coisas principais – a cana de pesca! 😀

Além da cana de pesca, a segunda coisa mais importante para o pescador de achigã são as amostras – uma colecção delas! Se é verdade que para quem está a dar os primeiros passos na pesca ao achigã esta coisa da “colecção” poderá ser uma das tarefas que irá levar mais tempo a alcançar, não deixa de ser verdade que para se ter sucesso na pesca ao achigã, é necessário ter pelo menos algumas amostras que cubram as várias condições com que o pescador de achigã se pode deparar na sua acção de pesca.

Material para pescar ao achigã de margem

Material para pescar ao achigã de margem

Para quem está a dar os primeiros passos na pesca ao achigã de margem, aqui ficam as minhas sugestões das amostras que “têm que ter” no vosso estojo:

– amostras de superfície, especialmente amostras de hélices, pois são de fácil manuseamento – é só lançar e puxar 😉 (também podem ter poppers, mas essas já requerem alguma técnica);

– amostras até 1,5 metros de profundidade, desde pequenos cranks a jerkbaits e swimbaits;

– amostras de vinil, principalmente senkos e kreatures (vejam aqui como colocar os anzóis).

A escolha de amostras de vinil acarreta ainda a necessidade de termos anzóis e pesos para as mesmas.

Para transportar o material, será necessário a utilização de um colete ou de um saco (recomendo uns que dão para colocar à cintura). As amostras rijas devem ser colocadas em caixas de plástico com separadores, enquanto que as amostras de vinil, na minha opinião, devem ser mantidas nos sacos originais, de forma a preservarem os aromas com que muitas vezes estão impregnadas.

Pesca ao achigã de margem

Pesca ao achigã de margem

 

Outra coisa essencial no estojo é uma tesoura ou faca, para cortar a linha e claro, um alicate para descravar os peixes maiores ou que engolem mais as amostras.

Pessoalmente, incluo ainda um boné e uma segunda cana de pesca, conseguindo desta forma ter uma cana pronta para pescar com amostras rijas e outra com vinis.

E vocês, o que trazem mais com vocês enquanto pescam?

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática viciado em pesca ao achigã. Criou o basspt.com para partilhar as suas ideias e experiências de pesca ao achigã, e para colmatar a falta de informação em Portugal sobre esta temática.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus