Não é novidade para quem segue este site que a minha forma preferida de pescar ao achigã é com amostras de superfície. Além de podermos ver a amostra a trabalhar, o que por si só torna a pesca menos monótona quando não estamos a ter capturas, é garantidamente a forma de pescar ao achigã que proporciona os ataques mais espetaculares!

No passado dia 23 de Agosto, depois de ter regressado de férias, tive oportunidade de efectuar uma das minhas sessões de pesca rápidas. Para quem não sabe do que falo, são sessões de pesca que em média deverão ter uma duração de 1 hora e meia. Já cheguei a fazer sessões de 30 minutos, tal era o vício que me movia! 🙂

Neste dia, cheguei ao local de pesca pelas 19:15h. O objectivo, pescar à superfície!

No entanto, da última vez que tinha estado naquele local, apesar de me ter esforçado com algumas amostras de superfície mais barulhentas, fui forçado a optar por uma abordagem muito mais subtil. Podem ver essa pescaria aqui.

Tendo recebido no inicio do mês umas passeantes da River2Sea para testar, decidi focar-me nessas amostras neste dia, visto que uma passeante é muito mais subtil que uma amostra de hélices. A minha escolha recaiu sobre uma Rover 128.

Rover 128 da River2Sea

Rover 128 da River2Sea

Com uma qualidade de fabrico bastante boa, gostei bastante do nível de detalhe existente na amostra, bem como da cor. Saliento a excelente qualidade das fateixas, a que já estou habituado nas amostras desta marca, e neste caso em concreto, gostei muito das penas da fateixa de trás.

Graças ao seu tamanho (128mm) e peso (21g), a amostra permite lançamentos muito longos sem grande esforço. Um sistema interno de pesos bem posicionados ajuda bastante nesta parte, além de produzir som que ajuda a atrair peixes que se encontrem mais distantes do local onde a amostra vai a passar. Colocar a amostra a trabalhar em zig-zag, ou como se diz, a fazer “walk the dog” foi sempre extremamente fácil.

Apesar de curta, foi uma sessão produtiva e muito divertida. Por momentos tornou-te até perigosa!! Pois ia tendo um ataque de coração com um grande ataque mesmo com a amostra a chegar aos meus pés.

Aqui fica o vídeo de resumo desta sessão:

Como muitas vezes me perguntam, aqui fica a lista de amostras que utilizei nesta sessão de pesca ao achigã:

Destaco ainda as cores das passeantes disponíveis no mercado Europeu à data da publicação deste artigo:

Cores Rover 128 River2Sea

Cores Rover 128 River2Sea

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática viciado em pesca ao achigã. Criou o basspt.com para partilhar as suas ideias e experiências de pesca ao achigã, e para colmatar a falta de informação em Portugal sobre esta temática.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus