É verdade, desde que comecei novamente a pescar, os meus dias cada vez ficam mais curtos!
Apesar de ter outros hobbies, tais como o BTT ou o jardim, a pesca ao achigã veio preencher na totalidade todo aquele (pouco) tempo livre que tinha. Dou comigo a chegar a casa ás 22h, a jantar ás 23h… mas uma coisa é certa, tê sido umas tardes bem passadas!

Desde que comecei a pescar este ano, posso dizer que ainda não tive nenhum dia em branco (não discutindo o tamanho, claro!), senão, vejamos as contas das vezes que pesquei este ano.

Fui à pesca ao achigã cerca de 5 vezes este ano, e volto a relembrar que não pescava desde 1998!

Em todas as pescarias, utilizei a mesma amostra – uma kreature de vinil, que se tem revelado verdadeiramente fantástica! (quer dizer, já tive que trocar umas duas vezes de amostra, porque se vão deteriorando, mas tenho pescado sempre com kreatures)

Aqui fica então o balanço até ao momento:

1ª vez: Com Nuno C., 1 açude, 2 achigãs pequenos – libertados
2ª vez: Com Nuno D., 2 açudes, 1 achigã “normal” – oferecido ao meu colega
3ª vez: Com Nuno D., Don e o pai do Don, 1 açude, nem uma picada de achigã (só pequeninos), mas estávamos prevenidos e apanhámos cerca de 50 percas – oferecemos as percas ao Don e ao pai, os achigãs foram devolvidos:


4ª vez: Com Nuno C., 1 açude, 15 achigãs (foi meio por meio cada um, não me lembro quem apanhou um a mais, se eu se ele) – devolveram-se 6, e os restantes foram para o meu amigo:
AcudeBogas_30Junho2009_3

5ª vez: Com Don, 1 açude, 4 achigãs – devolvi 3 e ofereci um ao meu amigo Don:

Este foi o primeiro achigã com a minha nova cana inteira da Vega. Ainda iria apanhar mais 3… nada mau para uma estreia que teve inicio ás 19:30!


A 5ª e última vez foi ontém, dia 2 de Julho. Desde que comecei a pescar, este ano, foi a primeira vez que repeti um açude – voltei ao açuce onde pesquei na 1ª vez.
Foi a estreia do meu novo material, que comprei no dia anterior com o Nuno C. Brevemente falarei sobre isso.

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática viciado em pesca ao achigã. Criou o basspt.com para partilhar as suas ideias e experiências de pesca ao achigã, e para colmatar a falta de informação em Portugal sobre esta temática.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus